6 cidades litorâneas do estado do Rio de Janeiro para conhecer!

11 minutos para ler

Cidades litorâneas do estado do Rio de Janeiro: conheça as melhores dicas de destino para turistar neste verão

As cidades litorâneas do estado do Rio de Janeiro atraem cada vez mais turistas em razão de seus pontos turísticos maravilhosos e belezas naturais. Além disso, os visitantes de locais próximos, como São Paulo e Espírito Santo, podem, inclusive, fazer viagens curtas de poucos dias para conhecer a região.

Além de ser um dos locais mais bonitos do Brasil, com cenários dignos de filmes, o litoral do Rio de Janeiro também é o terceiro maior do país, ficando atrás apenas dos estados do Maranhão e da Bahia. Por isso, não faltam boas opções para visitá-lo.

Se você deseja ir além e conhecer mais do que apenas a capital do Rio de Janeiro, continue a leitura deste post. Nele, vamos apresentar quais são as praias mais buscadas do litoral fluminense. Continue a leitura e confira todos os detalhes!

1. Arraial do Cabo

Arraial do Cabo é uma cidade da Região dos Lagos, perto de Búzios e Cabo Frio. Ela é conhecida como o “caribe brasileiro” por causa dos maravilhosos tons do seu mar, que variam entre verde-água, azul-bebê, azul-piscina e turquesa.

Apesar de ter menos infraestrutura do que as suas cidades vizinhas, a beleza das suas praias, com mar colorido e areias branquinhas, faz com que a viagem até lá valha a pena.

O mar de Arraial do Cabo, em geral, é sempre gelado. Porém, como as temperaturas da cidade costumam ser elevadas, é uma ótima opção para se refrescar nessa praia, que é considerada a mais bonita da cidade.

Já quem apresenta as águas mais cristalinas é a Ilha do Farol, que, inclusive, conta com acesso controlado pela Marinha, com o intuito de garantir a preservação ambiental.

Outra praia famosa é a do Pontal do Atalaia, que impressiona pelo mar azul-claro e pela areia limpíssima. Durante o passeio de barco, também é possível conhecer a Gruta Azul, um dos melhores pontos de mergulho livre no Brasil.

Arraial do Cabo é, inclusive, o local perfeito para mergulho, já que a transparência do seu mar permite uma boa visibilidade da vida marinha, como os cardumes de peixes. Assim, é possível tanto se aventurar com snorkel quanto fazer um mergulho de cilindro para conhecer de forma muito mais profunda o mar da região.

A melhor época para visitar Arraial do Cabo é durante a semana — e, de preferência, fora do período de feriados e férias escolares —, pois é o momento em que as praias da região ficam mais vazias e as hospedagens mais baratas.

Em feriados e no verão, a cidade de Arraial do Cabo fica superlotada e o visitante pode enfrentar perrengues como engarrafamentos, falta de vagas para estacionar e poucos lugares disponíveis nos melhores barcos de passeio, além de problemas no fornecimento de luz e no abastecimento de água.

Contudo, é possível contornar esses problemas chegando mais cedo às praias e, a depender da época do ano, optando por se hospedar em uma cidade da região que conta com mais infraestrutura, como Cabo Frio.

2. Búzios

Entre as cidades litorâneas do estado do Rio de Janeiro, Búzios é, sem dúvidas, a mais charmosa. Isso porque a região conta com belas praias e de diferentes formatos, que podem ser frequentadas durante o ano inteiro.

Localizada na Região dos Lagos, Búzios fica a somente 160 km do Rio de Janeiro e a 8 horas de viagem pela estrada, partindo de São Paulo. Como ela pode ser visitada sem grandes dificuldades, se você for conhecer a capital do estado, não pode deixar de passar ao menos um dia na cidade.

Antigamente, Búzios era uma pacata vila de pescadores que, na década de 1950, passou a ser frequentada para veraneio. Contudo, a história do local mudou quando a jovem e famosa Brigitte Bardot passou duas temporadas naquele balneário, entre 1964 e 1965, e revelou as suas balezas para o mundo todo. Desde então, a cidade nunca mais saiu de moda.

O seu charme se dá por causa da charmosa Rua das Pedras, que conta com pousadas-boutique, restaurantes elegantes, casario baixo e vitrines chiques, que se assemelham com o Mediterrâneo.

Já no que tange as praias, são mais de 20 pela península — ou seja, tem opções para todos os gostos! A praia de Geribá é a mais badalada da cidade, já os paraísos de João Fernandes e João Fernandinho, Azeda e Azedinha, Ferradura e Ferradurinha, e Praia da Tartaruga contam com belezas naturais surpreendentes.

Mas Búzios não para por aí, afinal, ainda existem opções como a Praia do Forno, com a incrível areia cor de rosa; a movimentada Praia da Armação; além da Praia Olho de Boi, especialmente dedicada à prática do naturismo. Para aproveitar o pôr do sol, o local mais recomendado é a Praia de Manguinhos.

Ao visitar Búzios no verão, é possível encontrar muita badalação e festas famosas. Contudo, se você prefere tranquilidade tanto nas praias quanto à noite, as épocas fora de temporada e em dias úteis são as mais recomendadas.

3. Ilha Grande

Ilha Grande, na Costa Verde do Rio de Janeiro e parte do município de Angra dos Reis, tem atraído cada vez mais visitantes de todo o país. Afinal, trata-se do local perfeito para quem procura por sol, mar e praias encantadoras e paradisíacas.

O mar da região apresenta coloração verde intensa e se mistura com a grandeza da Mata Atlântica, em 193 km² de pura beleza preservada. Por isso, ela é ideal para quem gosta de contato direto com a natureza.

A Ilha Grande conta com mais de 100 praias, além de cachoeiras, rios e lagos de água doce, trilhas e mangues. Dessa forma, fazer passeios de barco e de lancha é imprescindível para aqueles visitantes que desejam conhecer diferentes praias.

Há alguns anos, a Ilha Grande ainda era um destino considerado muito rústico. Contudo, atualmente, a região conta com turismo bem desenvolvido, especialmente na Vila do Abraão, que tem boas opções de hospedagem, restaurantes, supermercados, comércios locais e agências de turismo.

Powered by Rock Convert

Se você prefere praias praticamente desertas, não precisa se preocupar: a Ilha Grande é um paraíso para todos, tanto para os que preferem agito e companhia, quanto para os que curtem contato total com a natureza — para isso, basta procurar por um dos diversos locais da ilha que ainda contam com difícil acesso e pouca infraestrutura.

Uma das vantagens das praias da Ilha Grande é que elas são muito seguras, não havendo registros de arrastões, por exemplo. Além disso, os veículos não entram na ilha e devem ser deixados no continente, pois o seu único acesso é por barcos.

Ao visitar o local, não deixe de conhecer praias como a do Aventureiro, que conta com o famoso cartão postal do coqueiro deitado, e a de Lopes Mendes, uma praia quilométrica que é famosa por ser uma das mais bonitas do Brasil e do mundo, com mar aberto que forma ondas que atraem surfistas.

Além da Ilha Grande, as outras ilhas da região também são igualmente encantadoras e podem ser facilmente acessadas de barco. É o caso da Ilha da Gipóia, que tem praias como a do Dentista, com areia branca e mar com intensos tons de verde. Já a Ilha de Cataguases é uma atração imperdível no mar de Angra dos Reis e um excelente local para mergulho.

4. Cabo Frio

Outra opção de cidades para viajar no estado do Rio de Janeiro é Cabo Frio, também localizada na Região dos Lagos e referência em infraestrutura, já que é repleta de boas hospedagens, quiosques e restaurantes.

Por essa razão, Cabo Frio, além de ser uma ótima opção de destino por si só, também é um bom local para ser usado por quem pretende explorar toda a Região dos Lagos, como as cidades de Búzios (distante 25 km) e Arraial do Cabo (distante 10 km).

Contudo, não é só a infraestrutura da cidade que merece destaque, já que ela também tem um visual encantador, com mar cristalino e dunas de areia brancas. Além disso, a extensa praia do Forte é a principal do local, repleta de bares e restaurantes.

Antigamente, a região era habitada pelos índios Tamoios e enfrentou intensos períodos de invasões e disputas, especialmente devido à grande presença de pau-brasil. Até os dias atuais, é possível encontrar lembranças daquele tempo na cidade, como o Forte São Mateus, localizado na orla principal, e em casarões do período colonial, localizados no bairro da Passagem.

Apesar de Cabo Frio ser uma cidade grande e com praias bem movimentadas, basta optar pelo local e a época corretos para aproveitar os dias de tranquilidade. Em geral, períodos fora de férias e feriados são mais tranquilos.

Vale também aproveitar, durante a visita, a Praia das Conchas, a Praia do Peró, a bela Ilha do Japonês e a menos conhecida Praia Brava.

5. Paraty

Paraty, localizada na Costa Verde, é mais uma das cidades litorâneas do estado do Rio de Janeiro que encantam os visitantes, tanto por suas belas praias e cachoeiras, quanto por causa da sua história.

Fundada oficialmente em 1667, Paraty era somente um pequeno povoado. Contudo, entre os séculos XVIII e XIX, a cidade se tornou um dos principais entrepostos comerciais do país, por fazer parte da Rota do Caminho do Ouro e ser o ponto final da Estrada Real.

Até hoje, a cidade preserva a sua arquitetura colonial, especialmente no centro histórico, permitindo que os visitantes façam uma verdadeira viagem no tempo ao passar por casarões com portas e janelas coloridas.

O Centro Histórico também é repleto de ateliês de artistas locais, pousadas charmosas, lojas de artesanatos e livrarias, afinal, a cidade abriga a famosa Festa Literária Internacional de Paraty — a FLIP.

Já os restaurantes e cafés, em geral, contam com mesas ao ar livre e vista para igrejas históricas, reunindo uma paisagem espetacular com a boa culinária.

Paraty também é cercada pela Mata Atlântica, e sua baía oferece águas protegidas e mar calmo. A cidade tem mais de 120 opções entre praias e ilhas, ou seja, é impossível não se apaixonar por uma delas!

A maioria das praias da região são acessíveis por barco. Por isso, há uma grande oferta de passeios de escuna e lanchas, que levam o visitante para conhecer locais como o Saco do Mamanguá, a Praia da Lula, a Lagoa Azul e a Ilha Duas Irmãs, entre outras, a depender do roteiro.

Uma das regiões mais famosas de Paraty é a Vila de Trindade, no sul da cidade, em direção a São Paulo. Localizada a 25 km do Centro Histórico, ela apresenta fácil acesso — sem exigência de barcos — e belas praias, como a Praia do Cachadaço, a Praia do Meio, a Praia do Cepilho e a Praia Brava.

6. Niterói

Muitas pessoas que visitam o Rio de Janeiro não passam pela cidade vizinha da capital. Contudo, apesar de ser menos turística e famosa, Niterói também conta com boas opções de passeios aos seus visitantes.

O Museu de Arte Contemporânea (MAC), foi projetado por Niemeyer e é uma das principais atrações de Niterói, especialmente por conta da sua bela vista para a Baía de Guanabara. Também é possível incluir em seu roteiro os fortes da cidade, como o Forte Barão do Rio Branco e a Fortaleza de Santa Cruz da Barra.

Vale a pena visitar as praias do local, como a praia de Itacoatiara, a mais procurada pelos jovens e que conta com mar bastante agitado de águas azuis e cristalinas. Ela é localizada entre as imponentes Pedra da Andorinha e Pedra do Elefante, que permitem caminhar até o seu topo para apreciar uma vista privilegiada da região.

Agora que você já conhece 6 opções de cidades litorâneas do estado do Rio de Janeiro, programe a sua viagem para conhecer o destino que o interessou, seja para ir sozinho ou com uma companhia para viajar. Não se esqueça, também, de planejar o roteiro da sua próxima viagem.

Se você deseja descobrir como viajar barato, saiba que pode contar com a Buser para fazer uma viagem econômica, tranquila e com segurança.

Acesse agora mesmo o site e confira os destinos oferecidos pela Buser!

Posts relacionados