fbpx

Buser chega na região Norte e conquista todos os estados do Brasil

5 minutos para ler

Com preços até 60% menores do que das empresas que atuam em rodoviária, a plataforma chega no Acre, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima e espera transportar mais de 200 mil passageiros na região Norte em 2022.

Plataforma de mobilidade que conecta passageiros a empresas de ônibus pelo fretamento colaborativo, a Buser segue em ritmo acelerado expandindo sua atuação; dessa vez, estreando na Região Norte do país. Agora, a empresa oficialmente pinta o Brasil inteiro de rosa, possibilitando viagens em todos os 26 estados brasileiros mais Distrito Federal.

Hoje, a Buser traz opções para que os passageiros de todo o Brasil possam escolher a melhor forma de viajar; seja com o modelo de fretamento colaborativo, onde os passageiros dividem a conta final da viagem ou a partir do marketplace, serviço em que a startup vende passagens em parceria com as viações mais tradicionais do Brasil, que atuam nas rodoviárias.

A nova operação na região Norte contará com 24 trechos em seis estados – Acre, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins -, conectando 13 novas cidades – com exceção do Tocantins, onde a empresa já atuava. A expectativa para a região Norte é transportar cerca de 35 mil passageiros até o final da alta temporada e ultrapassar a marca de 200 mil passageiros ao longo de 2022.

Quais as vantagens da Buser para os passageiros da região Norte?

Em média, as viagens vão custar até 60% a menos do que na concorrência. Por exemplo, o trajeto de Porto Velho (RO) a Rio Branco (AC), que sairá por R$ 69,90 na Buser, custa mais de R$ 100,00 nas empresas regulares. Já a rota de Manaus (AM) a Boa Vista (RR) tem preço de R$ 129,90 na plataforma contra R$ 249,99 nas viações tradicionais. Outro exemplo é a viagem de Belém (PA) a Marabá (PA) por R$ 89,90, que não sai por menos de R$ 120,00 na concorrência. Além dos cupons de descontos, os passageiros do Norte ainda poderão viajar pela primeira vez de graça.

“Queremos levar um transporte mais acessível, confortável e seguro aos passageiros que estão no Norte, uma região que já cobríamos pelo serviço de marketplace, mas que agora ganhará muita mais força com a opção do modelo de fretamento”, afirma Marcelo Vasconcellos, co-fundador da Buser. “Fico mais feliz ainda em poder anunciar que, com esse lançamento, agora estamos oficialmente em todos os estados brasileiros com os nossos serviços”, completa o executivo.

A Buser, que hoje conecta mais de 550 cidades, planeja continuar expandindo suas operações, criando 10 mil trechos e conectando 1.000 cidades até o final desse ano, tanto com o serviço de fretamento quanto o de marketplace. O plano de expansão da empresa, que cresce mais de 30% ao mês em número de passageiros, está ancorado na captação de mais de R$ 700 milhões realizada em junho desse ano e na retomada do turismo, que começa a dar sinais de melhora com o avanço da vacinação.

Mais segurança nas estradas do Norte

Além do preço baixo, a Buser se destaca pelo uso da tecnologia para tornar as viagens mais seguras. Todos os ônibus parceiros da Buser contarão com o sistema de telemetria, que permite o controle da velocidade em tempo real. Caso o motorista ultrapasse 90 km/h, é ativado um aviso sonoro no veículo para alertá-lo. Isso ajuda a evitar acidentes e a identificar se um veículo quebrou ou se ocorreu atrasos.

A Buser também está instalando câmeras com sensor de fadiga, um equipamento que usa tecnologia de ponta no segmento de viagens de ônibus, capaz de detectar níveis de cansaço dos motoristas. Isso pode ajudar a identificar qual o momento certo de fazer uma troca de motoristas, principalmente em viagens mais longas.

Modelo legal, inovador e necessário

Fundada em 2017, a Buser nasceu com a missão de promover um serviço de transporte melhor e a preços mais acessíveis. A partir do fretamento colaborativo, a Buser passou a conectar viajantes a empresas de ônibus, onde os passageiros dividem a conta final do fretamento.

No modelo da Buser, os ônibus parceiros, que pertencem a empresas de fretamento, dispõem de todas as licenças necessárias e fazem o recolhimento de tributos em dia. Todos os veículos são regularizados, novos e modernos.

“Trata-se de um modelo ainda novo no país, que de fato está revolucionando o mercado de viagens rodoviárias, tanto pela questão do preço quanto pela experiência que proporcionamos. Nosso objetivo é unicamente beneficiar a população, tornando o transporte mais acessível. Por isso, agradecemos os parceiros que estão conosco nessa missão”, afirma Vasconcellos.

Nos últimos meses, a startup evoluiu seus serviços e passou a atuar também como marketplace de passagens, em parceria com grandes companhias e lançou o Buser Encomendas, serviço de entrega e transporte de mercadorias. A Buser conta com mais de 400 parceiros, aproximadamente 1.200 ônibus e mais de 4 milhões de usuários.

E aí, gostou da novidade? Qual será seu primeiro destino no Nordeste? Reserve sua passagem aqui .

Posts relacionados