Jéssica e suas viagens de ônibus atrás de um crush argentino

Jéssica e suas viagens de ônibus atrás de um crush argentino

No dia de São Valentim, conheça a história da jornalista que precisava fazer viagens de ônibus de forma econômica e encontrou no aplicativo Buser a chance de rever seu amor

Hoje, 14 de fevereiro, é dia de São Valentim — o Dia dos Namorados fora do Brasil pela fama de casamenteiro do santo. Nesta data apaixonada, vamos contar uma história real nada comum de um casal de diferentes nacionalidades que encontrou na Buser, e nos acasos do destino, uma maneira econômica de esbanjar amor. Vamos lá?

Leia também: 6 dicas para o carnaval que vão te fazer economizar muito

Duas pessoas apaixonadas separadas por muitas viagens

Jéssica Romero é o nome de uma jornalista com um cotidiano super corrido, mas que não deixa a rotina engolir a vida pessoal. Essa história começou quando sua tia foi passar o réveillon de 2016-2017 na Patagônia– ARG. Ela ficou hospedada em um hostel onde trabalhava o segundo personagem dessa história, Pablo (nome fictício). Ao conhecer o argentino, certa de que havia conhecido a alma gêmea da sobrinha, a tia não perdeu tempo, incorporou o cupido e apresentou os dois, mesmo que virtualmente.

Após a apresentação, no mínimo inusitada, Jéssica e Pablo começaram a se falar  por WhatsApp.“De fato, éramos perfeitos um para o outro e conversamos por muito tempo através de mensagens. Depois desse tempo todo, viajei para a Patagônia. Queria muito conhecer o local, mas o Pablo também. Nos apaixonamos perdidamente em minha viagem”, conta. 

Jessica na Patagônia e apaixonada pela Buser. No fundo na imagem existe neve ela está fortemente agasalhada.
Jéssica em sua viagem para a Patagônia (Foto: arquivo pessoal)

Antes de voltar, certa de que não veria mais seu “crush”, Jéssica fez uma carta de despedida com um poema, mandou uma música e retornou para o Brasil de coração partido.

Outra viagem, dessa vez de ônibus, e muitas “Buedas” no aplicativo

Passado um tempo da volta de Jéssica para o Brasil, seu amor argentino decidiu vir para cá de férias. Como nem tudo são flores, o momento coincidiu com um período delicado na vida dela. Sua situação financeira estava péssima e ela havia acabado de ser despejada do apartamento em que morava em São Paulo. Um acidente em uma obra que abalou a estrutura do prédio e obrigou os moradores a abandonarem suas casas. Foi aí que a Buser entrou nessa história.

“Eu precisava ir ao Rio de Janeiro e voltar, mas tinha que fazer a viagem em um fim de semana, devido ao trabalho, e sem dinheiro. Eram duas viagens de ônibus. Então, pedi para as pessoas se cadastrarem na Buser para eu conseguir moedas no aplicativo (chamadas de Buedas). Fiz uma campanha no Instagram, WhatsApp e Facebook”. 

Com a campanha, Jéssica conseguiu tanto desconto que pagou um valor muito abaixo do esperado pela viagem e, ainda, sobrou dinheiro para beber aquela cervejinha gelada na praia.


Mais saudades e outra viagem de ônibus

Depois de um fim de semana apaixonante, a vida de Jéssica voltou ao normal. Mas seu coração e pensamentos estavam com o Argentino, que permanecia de férias no Brasil e iria para Ilha Grande – RJ. Sem pensar duas vezes, ela mobilizou os amigos novamente para rever sua paixão. Então, mais uma vez, ela conseguiu ir para o Rio.

“Financeiramente seria uma loucura. Precisava viajar duas vezes praticamente no mesmo mês entre São Paulo e Rio de Janeiro. Da segunda vez eu ainda precisaria pegar outro ônibus para Angra e um barco para Ilha Grande. Eu não teria dinheiro para isso”.

Na imagem, Jéssica está em sua viagem pelo Rio de Janeiro viabilizada pela Buser (Foto: arquivo pessoal)

O relacionamento acabou, mas a paixão pela Buser não

Apesar da intensidade do encontro entre os dois, o relacionamento internacional não durou, infelizmente, mas Jéssica se tornou uma verdadeira embaixadora da marca.

“A Buser está sempre comigo e me ajuda a ir para onde preciso. O argentino não (risos). O aplicativo faz parte de vários momentos importantes da minha vida, como quando meu pai fez uma cirurgia, eu estava sem dinheiro, mas queria muito vir para Ribeirão Preto vê-lo. Com a empresa eu consegui. Acho que é uma relação que deu certo para o longo prazo. Já com o argentino, foi só uma paixão fugaz”, brinca.

Jéssica, hoje, viaja muito a trabalho e lazer com a Buser. Assim, acaba sempre divulgando os serviços da empresa. Ela virou uma referência, quando o assunto entre amigos é o aplicativo. “Vários amigos vêm pedir dicas, tirar dúvidas, etc. A Buser tem possibilitado que a gente veja mais a família, visite alguém que está longe, participe de eventos… Não é só preço, é ter a alternativa e possibilidade de fazer isso com mais facilidade e conforto”, acrescenta.

Para além do preço, serviço diferenciado

Viajar de Buser é até 60% mais barato quando comparado aos preços da rodoviária. E não só de preços vantajosos se faz o aplicativo. Afinal, a Buser é  plataforma de fretamento colaborativo. Nela, passageiros encontrem bons preços por viagens de ônibus e as empresas de fretamento expandem seus serviços. Aliado a isso, a empresa e suas transportadoras parceiras prezam pela excelência na experiência do cliente, com foco em: segurança, conforto e bom atendimento.

Todas as viagens são feitas por motoristas profissionais, veículos inspecionados e monitorados por GPS. Há a possibilidade de viajar em ônibus cama, leito ou semi-leito. As reservas são feitas pelo site ou aplicativo. Para viajar, é só apresentar um documento com foto, sem a necessidade de ir a uma rodoviária e pegar filas para comprar, retirar ou imprimir passagens.

“O ônibus é confortável, tem água, chocolate, os motoristas são bons, o banheiro está sempre limpo, tem cobertas e o serviço é impecável. Além do preço ser mais baixo, sempre tem promoções que deixam tudo ainda mais barato”, acrescenta Jéssica.

Seja um Buser Lover você também. Baixe nosso aplicativo ou acesse nosso site e saiba como viajar com conforto, praticidade e preços baixos. Hoje a história foi da Jéssica, mas a próxima pode ser a sua!

12 Replies to “Jéssica e suas viagens de ônibus atrás de um crush argentino”

  1. Que pena que este amor não durou, nas conheci a Buser através da Jéssica e estou ansiosa para conhecer a empresa de perto e viajar com ela. Todo mundo diz que vale a pena. Então, bora viajar!

    1. Ah, mas como diria Vinicius de Moraes: “Que não seja eterno posto que é chama, mas que seja infinito enquanto dure”. Poetizamos! E foi bom enquanto durou. Obrigado pelo comentário, Isadora!

  2. Sou eu gente! Continuo solteira, quem quiser dar rolê de buser comigo, vem de zap hahaha Buser, te amo <3

    1. Bora começar outra campanha. Agora é: “Vem de zap e de Buser”. Obrigado pela história. Já te amamos também!

  3. Adoreiiii.
    Buser, faz uma campanha para arrumar um mozao pra Jessica.
    Quem apresentar um crush pra ela ganha descontos.
    Hahhahah

  4. Que história hein amiga, sempre bem humorada dando uma rasteira nas adversidades! A Jessica é minha amiga a anos e o que ela recomenda eu confio! Bjs amiga e parabéns Buser Brasil pelos serviços prestados

    1. Olá, Tamires. Muito obrigada pelo comentário. Pra gente foi um prazer contar a história da Jéssica e #vaideBuser!

  5. Eu Amos buser… Conheci a buser a dois anos atrás fuxicando na internet e desde então eu falei que queria viajar pela Buser e não susguei até conseguir e para minha felicidade fui com meu esposo passar o Ano Novo com a família dele em São Paulo e adivinha?? Fui e voltei de buserrrrr !!! E amanhã volto pra SP de Buser…. E dá-lhe Buser na minha vida❤ Eu sempre digo a todos que conheço, “A rodoviária nunca mais verá minha cara” ….kkkk
    A Buser é maravilhosa!!! Para a minha felicidade ficar completa só falta eu ir no Ônibus Pink 😍
    Mais é isso galera viaje com a Buser, vocês não vão querer outra coisa…. Buser é Vida!!

    1. Oi Juliana, que ótimo saber que você também é uma #Buserlover É para facilitar a vida de gente como você que trabalhamos todos os dias e, olha, espero que da próxima vez você tenha a sorte de andar em um dos lindos ônibus pink. 😘

Comments are closed.